5 de julho de 2020
  • 14:08 Vídeo: Padre, em sermão, diz que quem votou em Bolsonaro tem que se confessar por eleger bandido
  • 12:23 Wassef, advogado de Bolsonaro, desesperado, promete ‘explodir todo mundo ao vivo em rede nacional’
  • 10:59 FHC manda Bolsonaro se calar e Bolsonaro, servil a FHC, vai se calar
  • 10:08 Os jornalistas da grande mídia estão para o PSDB como os bolsonaristas estão para Bolsonaro
  • 23:21 Como a Lava Jato escondeu do governo federal visita do FBI e procuradores americanos

O advogado Carlos Zucolotto, amigo íntimo de Moro, pediu a Augusto Aras que não retome as negociações para acordo de colaboração com o doleiro Rodrigo Tacla Durán.

A suposta falta de provas é que motivou o pedido.

Tacla Durán acusou Zucolotto de ter pedido US$ 5 milhões para facilitar um acordo com a Lava Jato.

Pelo jeito, agora, para Moro, delação premiada não vale mais, só valia contra Lula.

O fato é que as provas antigas foram descartadas pela procuradoria na época em que a turma da lava jato trabalhava com Moro.

O que parece claro é que, tanto Moro quanto Dallagnol, estão muito preocupados com o depoimento do doleiro.

Moro e seus meninos da Lava Jato sempre disseram que, se tem denúncia, tem que investigar, doa a quem doer.

Isso só vale para os inimigos?

Se Tacla Duran não tem provas, Moro e seu amigão não têm com o que se preocupar.

Os mais interessados deveriam ser Moro e Zucolotto, para provarem que não houve corrupção.

Será que Moro e o amigo não confiam na Justiça?

Qual é o problema da investigação?

Tacla Duran rebateu em seu twitter: “O indivíduo que tem medo de ser investigado, tem que sair da vida pública. “Medo = sentimento de grande inquietação ante um perigo real ou imaginário; susto,pavor, temor, terror”

 

*Da redação

 

 

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES

2 COMMENTS

  1. Pingback: Quem deve teme: Zucolotto, amigo de Moro, pede à PGR que não reabra caso de Tacla Duran – Antropofagista | THE DARK SIDE OF THE MOON...
  2. Afonso Schroeder Posted on 10 de junho de 2020 at 16:06

    Facções dentro das quadrilhas se dividindo, mas o ex-juiz “Moro” já é comprovado pela INTERCEPT traidor, mentiroso e descumpridor da CF/88 condenou o ex-presidente (Lula) 100% inocente, aguardamos justiça cadeia a “Moro”.

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: