16 de julho de 2020
  • 13:11 Reinaldo Azevedo: Código Penal Militar, é? Ora, ele também pune genocídio e ação pró-pandemia
  • 11:13 Gilmar Mendes alertou Bolsonaro sobre o risco que corre de parar no Tribunal Internacional de Haia
  • 09:50 De mito a camundongo: Gilmar Mendes expôs a fragilidade política de Bolsonaro
  • 19:52 Entenda o relatório que acusa os EUA de cooperação ilegal na Lava Jato
  • 18:21 Em vídeo, Felipe Neto diz para o NYT que Bolsonaro é o pior presidente do mundo no combate à Covid-19

O deputado Bibo Nunes (PSL-RS) disse na noite de sábado, num debate na GloboNews, que Chico Buarque recebia dinheiro para apoiar os governos petistas. Disse o bolsonarista:

Antigamente, só se incentivava a cultura com seus apaniguados. Se dava dinheiro ao Chico Buarque da vida, ao Caetano Veloso, músicos já consagrados, artistas consagrados, para apoiarem o governo.(…) Para que dar dinheiro para quem já tem? Só para apoiar o governo, na época de eleição? “Eu apoio Lula”. “Eu apoio Dilma”….

Chico, que nunca usou dinheiro de leis de incentivo à cultura ou renúncia fiscal, reagiu rápido. Entra amanhã no Juizado Especial Cível da Gávea, no Rio de Janeiro, com duas ações contra Bibo. Uma, de indenização para retratação a ser feita pelo deputado; e outra, de danos morais.

Depois do cantor Chico Buarque recorrer à Justiça, Caetano Veloso também decidiu entrar na Justiça contra o deputado Bibo Nunes (PSL-RS), apoiador do presidente Jair Bolsonaro.

A decisão dos artistas ocorreu após o parlamentar acusar os cantores de receber dinheiro para apoiar governos do Partido dos Trabalhadores (PT).

Por meio de uma interpelação judicial, Veloso interpelou o deputado pelo seu advogado Ticiano Figueiredo. O ato é uma medida anterior a uma ação na Justiça.

 

 

 

*Com informações de Lauro Jardim/O Globo

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES

1 COMMENTS

  1. Hilton Ferreira Magalhães Posted on 23 de junho de 2020 at 14:43

    Assisti ao debate com Guilherme Boulaus e fiquei abismado com uma postura extremamente agressiva de um deputado,para o âmbito naciona,l é uma figura sem nenhuma expressão. Fala pelos cotovelos e sem uma sustentação lógica. O Chico e O Caetano estão em seu pleno direito e segunda a máxima de quem acusa tem o ônus da prova e o deputado deve está numa sinuca de bico!

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: