25 de janeiro de 2021
  • 21:25 A pedagogia do conflito não rende mais uma única fibra muscular a Bolsonaro
  • 20:17 Em 2020, Governo Bolsonaro gastou R$ 15 milhões em leite condensado
  • 19:30 Urgente: STF abre inquérito para investigar responsabilidade de Pazuello na crise de saúde em Manaus
  • 17:41 Com o rabo entre as pernas, “mito” comemora a chegada de insumos da China para vacina que ontem disse que não prestava
  • 17:08 Há 9 dias Bolsonaro ignora oferta de aviões dos EUA e ONU para oxigênio a Manaus

Revelação aumenta a preocupação com uma pandemia do coronavírus.

Médicos chineses mostraram os resultados de uma tomografia de uma paciente de 33 anos infectada por coronavírus 2019-nCoV.

De acordo com a revista Radiology, a mulher trabalhava na cidade de Wuhan, o epicentro da epidemia. Seis dias antes de ser hospitalizada, ela tinha ido à cidade de Lanzhou. No momento da hospitalização, a paciente tinha temperatura elevada e problemas respiratórios.

Pulmões afetados por coronavírus 2019-nCoV

Pulmões afetados por coronavírus 2019-nCoV

Com base nas características epidemiológicas, sintomas clínicos e resultados da tomografia, foi diagnosticada com pneumonia do tipo 2019-nCoV. Após três dias de tratamento, a área afetada dos pulmões aumentou (foto B).

Até agora, na China já foram infectadas cerca de 14.400 pessoas com o novo tipo de coronavírus, das quais 304 morreram. Cerca de mais 100 pessoas registraram sintomas do vírus em vários países. A Organização Mundial da Saúde constatou o surto como a situação de emergência internacional.

 

 

*Com informações do Sputinik

 

Celeste Silveira

Produtora cultural, parecerista de projetos culturais em âmbito nacional

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: