16 de julho de 2020
  • 13:11 Reinaldo Azevedo: Código Penal Militar, é? Ora, ele também pune genocídio e ação pró-pandemia
  • 11:13 Gilmar Mendes alertou Bolsonaro sobre o risco que corre de parar no Tribunal Internacional de Haia
  • 09:50 De mito a camundongo: Gilmar Mendes expôs a fragilidade política de Bolsonaro
  • 19:52 Entenda o relatório que acusa os EUA de cooperação ilegal na Lava Jato
  • 18:21 Em vídeo, Felipe Neto diz para o NYT que Bolsonaro é o pior presidente do mundo no combate à Covid-19

Não foram informados outros detalhes sobre o acidente. Uma equipe de investigação está no local para apurar as causas da queda do avião, que tinha como destino Kiev, na Ucrânia.

Um Boeing 737 ucraniano caiu nesta quarta-feira (8) logo após a decolagem do aeroporto de Teerã com 167 passageiros a bordo.

Um representante do aeroporto de Teerã confirmou à Sputnik que o avião caiu com 167 passageiros logo após a decolagem. A queda teria acontecido por conta de problemas técnicos da aeronave.

De acordo com a mídia iraniana, citada pela Reuters, todos os passageiros morreram com a queda.

Não foram informados outros detalhes sobre o acidente. Uma equipe de investigação está no local para apurar as causas da queda do avião.

O Boeing 737 de uma companhia aérea ucraniana estava realizando um voo da capital do Irã para Kiev.

 

 

*Com informações do 247

 

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: