8 de janeiro de 2022
  • 16:51 Quando as diferenças aparecem
  • 14:50 Vídeo: Paredão de cânion em Capitólio (MG) desmorona sobre lanchas; 1 morte confirmada e 15 feridos com gravidade
  • 12:56 Sindicalista: “Governo só beneficia servidores pró-Bolsonaro”
  • 11:58 Cientistas projetam que Brasil pode ter 1 milhão de casos diários de Covid em duas semanas
  • 09:37 Decisão do presidente do STJ em favor da ex-mulher de Wassef causa revolta em ministros

Em pesquisa realizada pelo Ipec, constatou-se que:

  • Contas de luz e gás comprometem orçamento de brasileiros
  • 22% deixaram de comprar alimentos básicos para arcar com os custos
  • Cerca de 46% usaram metade ou mais da renda com botijões e energia elétrica

Uma pesquisa inédita mostrou que 46% dos brasileiros usam metade de sua renda ou mais para pagar contas de energia elétrica e comprar botijões de gás. As principais regiões afetadas são Norte e Nordeste.

O estudo, encomendado pelo Instituto Clima e Sociedade ao Ipec (Inteligência em Pesquisa e Consultoria), mostra que 40% da população deixou de comprar roupas, sapatos e eletrodomésticos para poder pagar luz e gás.

Em todo o Brasil, 22% reduziram a compra de alimentos básicos para arcar com os gastos. No Nordeste, o percentual é de 28%. As informações são do O Globo.
Programas sociais

O Ministério da Cidadania disse, em nota, que o programa Auxílio Gás alcança quase 5,6 milhões de famílias de baixa renda. O valor, de R$ 52, visa ajudar os brasileiros a adquirirem botijões.

Para aliviar o peso das contas de luz, há o programa de tarifa social de energia elétrica, que dá descontos entre 10% e 65% a famílias de baixa renda. Atualmente, são 12,4 milhões de beneficiários e, a partir deste mês, “há potencial para concessão do benefício para mais 11 milhões de famílias”.

Para chegar às conclusões, o Ipec ouviu mais de 2.002 brasileiros com mais de 16 anos de idade em todas as regiões do país em novembro de 2021.

*Com informações do Yahoo

Telegram

Caros Leitores, precisamos de um pouco mais de sua atenção

Nossos apoiadores estão sendo fundamentais para seguirmos nosso trabalho. Leitores, na medida de suas possibilidades, têm contribuído de forma decisiva para isso. Agradecemos aos que formam essa comunidade e convidamos todos que possam a fortalecer essa corrente progressista. Seu apoio é fundamental nesse momento crítico que o país atravessa para continuarmos nossa labuta diária para trazer informação de qualidade e independência.

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica

Agência: 0197
Operação: 1288
Poupança: 772850953-6

PIX: 45013993768

Agradecemos imensamente a sua contribuição

Celeste Silveira

Produtora cultural

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: