22 de setembro de 2020
  • 14:02 Fux mostra a que veio
  • 13:01 Opinião unânime no mundo: Bolsonaro envergonha o Brasil na ONU
  • 12:01 Bancos servem a oligarcas, traficantes e terroristas em explosão de lavagem de dinheiro
  • 11:07 Agora o clã Bolsonaro tem um judiciário para chamar de seu
  • 23:11 Bolsonaro, que teve quase 70% dos votos em S. Paulo, hoje tem 27% de aprovação

A presidência do Senado, representada por Davi Alcolumbre (DEM-AP) e pelo vice-presidente, Antonio Anastasia, divulgou uma nota repudiando o pronunciamento de Jair Bolsonaro feito na noite desta terça-feira 24, em que ele minimiza o problema da pandemia de coronavírus e pede para o Brasil “voltar à normalidade”.

No texto, o presidente e o vice-presidente do Senado apontam irresponsabilidade na fala de Bolsonaro. “Neste momento grave, país precisa de uma liderança séria, responsável e comprometida com a vida e a saúde da sua população. Consideramos grave a posição externada pelo presidente da República hoje”, diz o comunicado.

A nota diz ainda que “não é momento de ataque à imprensa e a outros gestores públicos. É momento de união” e diz que “a Nação espera do líder do Executivo, mais do que nunca, transparência, seriedade e responsabilidade”. Leia a íntegra:

Outros parlamentares e políticos manifestaram perplexidade com o pronunciamento de Bolsonaro.

Confira:

https://twitter.com/FlavioDino/status/1242597403636772864?s=20

 

 

 

*Com informações do 247

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: