1 de agosto de 2021
  • 22:46 Não há qualquer dúvida de que a Jovem Pan foi coautora do genocídio promovido pelo governo Bolsonaro
  • 20:46 CPI pede quebra de sigilo bancário da Jovem Pan por disseminar fake news
  • 18:55 Vídeo: Mexicano faz escândalo por medo de vacina e vídeo viraliza no mundo
  • 17:28 DataTempo: Lula lidera disputa presidencial em Minas Gerais
  • 14:44 Bolsonaro impõe sigilo de 100 anos sobre acesso dos filhos ao Planalto

Depois de ser colunista supostamente econômico de revistas mundo cão de classe média, Constantino se transformou numa espécie de bombril com 1001 utilidades na sua prestação de serviços a Bolsonaro.

O rapaz tem superado até a turma do Pingo nos Is, comandado pelo insuspeito Augusto Nunes.

Depois de, em síntese, dizer que Mariana Ferrer merecia ser estuprada e humilhada pelo advogado do estuprador, agora, Constantino, que disse ser contra o Dia da Consciência Negra, decalcando as palavras de Bolsonaro pela língua de trapo de Sergio Nascimento, da Fundação Palmares, diz que, por ter dado um soco em um segurança (que não se sabe o motivo dessa reação), Beto Freitas merecia ser espancado e asfixiado até a morte.

Disse Constantino: “O que temos até aqui não indica nada parecido. O homem, um sujeito enorme, teria ficha corrida na polícia e teria agredido uma funcionária do Carrefour. Por isso ele foi espancado, não pela cor da pele.”

Para piorar o troço, ele cita Morgan Freeman de maneira desavisada, como faz todo racista, porém, o ator americano mudou sua posição completamente depois do assassinato de Geoge Floyd. Constantino ainda diz que, além de preferir as palavras de Freeman, prefere as palavras do secretário da Fundação Palmares. Ele prefere tanto que sequer cita o nome boneco de ventríloquo de Bolsonaro que comanda a Fundação.

Em suma, Constantino, em menos de um mês, negou que existe no Brasil estupro e racismo ou, no mínimo, que a culpa pelo estupro é da estuprada e a do assassinato por racismo é do assassinado.

*Carlos Henrique Machado Freitas

Siga-nos no Whastapp: https://chat.whatsapp.com/FDoG2xe9I48B3msJOYudM8

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica: Agência 0197
Operação: 013
Poupança: 56322-0
Arlinda Celeste Alves da Silveira
CPF: 450.139.937-68
Agradecemos imensamente a sua contribuição

Celeste Silveira

Produtora cultural, parecerista de projetos culturais em âmbito nacional

RELATED ARTICLES

1 COMMENTS

  1. lauritadaluzsilvacardoso Posted on 22 de novembro de 2020 at 00:00

    Como sempre procuram um meio de acusar o agredido. Invadem casas e dizem que moradores são Bandidos, matam crianças a caminho da escola e são culpadas porque estavam na rua , pisam no pescoço de uma idosa porque falou mais alto como PM. Isto é comum. Mas agora peça que ele responda oque o segurança disse que o indignou Tanto, Loco ele não era, Teriam ofendido sua cor, sua mulher será que ficou gravado, será que saberemos, de repente o dito pode ajudar a piorar a pena dos assassinos , ele teria reagido a uma Injúria?

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: