18 de abril de 2021
  • 19:28 Não há inocentes na condenação de Lula
  • 17:23 Renan Calheiros acusa governo Bolsonaro de tentar trocar ministros do TCU para driblar problemas com Orçamento
  • 15:13 O reaparecimento da doença antipetista do Estadão mostra que a mídia brasileira não tem cura
  • 11:54 GloboNews, o cúmulo do neocolonialismo, transmite ao vivo o funeral do príncipe Philip
  • 11:12 Delegado superintende da PF do Amazonas que acusou Ricardo Salles é convidado a depor na Câmara

É recorde em cima de recorde, um governo absurdamente inerte, incapaz. O Brasil definitivamente não merece passar por isso. Não é possível que nada seja feito para mudar essa situação trágica porque passa o nosso país. O que fizeram com ele?

Agora, assistimos a mais esse recorde de óbitos, 3.780 em 24 horas, superando o anterior que foi de 3.610 óbitos. O Brasil chegou ao total de 317.646 vidas perdidas desde o início da pandemia. O levantamento é do Conselho Nacional de Secretarias de Saúde (Conass).

Com a atualização, a média móvel de mortes também atingiu nova máxima, com 2.710 nos últimos sete dias. Foram somados, ainda, mais 84.494 casos, totalizando 12.658.109.

E as instituições brasileiras não farão nada para estancar essa sangria? Até quando assistiremos Bolsonaro brincando com a vida de 211 milhões de brasileiros? Chega!

*Da redação

Siga-nos no Whatsapp: https://chat.whatsapp.com/H61txRpTVWc7W7yyCu0frt

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica: Agência 0197
Operação: 013
Poupança: 56322-0
Arlinda Celeste Alves da Silveira
CPF: 450.139.937-68

PIX: 45013993768
Agradecemos imensamente a sua contribuição

Celeste Silveira

Produtora cultural, parecerista de projetos culturais em âmbito nacional

RELATED ARTICLES

1 COMMENTS

  1. lauritadaluzsilvacardoso Posted on 30 de março de 2021 at 19:56

    O governo quer 30 milhões, falta muito.

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: