24 de novembro de 2021
  • 16:58 Vídeo: Em mais uma guerra da direita, Ricardo Salles chama Moro de “traidor”, “comunista”, “dissimulado”, “contra as armas” e “a favor das drogas”
  • 13:06 Deputado Ricardo Barros réu na Justiça Eleitoral por esquema de propina em contratos da Copel
  • 10:18 Um herói nacional chamado Walter Delgatti
  • 09:30 O fascismo nada flexível da Folha de São Paulo
  • 08:37 Glenn Greenwald: Sergio Moro é mais do que um juiz corrupto

Ex-comparsa de Moro no governo Bolsonaro, Ricardo Salles, certamente, a mando de Bolsonaro, resolveu atacar Moro que anda saracoteando por toda a mídia aliada, classificando Moro de comunista, contra as armas, a favor das drogas, dissimulado e traidor e, de lambuja, o chamou de tucano.

Isso mostra que nos quatro cantos da direita, o fascismo está em guerra, seja Eduardo x Dória, seja Bolsonaro x Moro.

Esse é o nível de indigência e penúria política que vive o conjunto da obra fascista no Brasil. A miséria dos argumentos, a pobreza intelectual dos candidatos e a mediocridade dos partidos da direita mostram que a situação para o lado dessa gente é de extrema penúria numa escassez de propostas nunca vista no campo da direita no Brasil, tal a pobreza de pensamento relativo ao intelecto das próprias figuras que comandam o reacionarismo do Brasil.

Esse vídeo que segue abaixo é a definição concreta do que devemos esperar, em termos de debate eleitoral, em 2022 no campo da direita. Baixaria, absoluto desprezo pela verdade e pelos próprios eleitores.

Por isso mesmo Tenho dificuldade em chamar de extrema direita o bando que tomou de assalto o país. Acho que é dar status político a vigaristas.

Caros Leitores, precisamos de um pouco mais de sua atenção

Nossos apoiadores estão sendo fundamentais para seguirmos nosso trabalho. Leitores, na medida de suas possibilidades, têm contribuído de forma decisiva para isso. Agradecemos aos que formam essa comunidade e convidamos todos que possam a fortalecer essa corrente progressista. Seu apoio é fundamental nesse momento crítico que o país atravessa para continuarmos nossa labuta diária para trazer informação de qualidade e independência.

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica

Agência 0197
Operação 1288
Poupança: 772850953-6
Arlinda Celeste Alves da Silveira
CPF: 450. 139.937-68
PIX: 45013993768

Agradecemos imensamente a sua contribuição

Carlos Henrique Machado

Compositor, bandolinista e pesquisador da música brasileira

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: