28 de maio de 2022
  • 15:14 O cerco da mídia contra Lula vai aumentar
  • 14:58 Papuda: mães, irmãs e avós de presos são “vendidas” para pagar dívidas
  • 12:53 Lula: “Bolsonaro não dormiu depois do resultado da pesquisa”
  • 10:37 Editorial da Globo é o velho antipovo disfarçado de antipetismo
  • 22:11 Bolsonaro diz que concedeu indulto a Silveira para “dar exemplo” ao STF

Esta imagem não mostra uma garota ucraniana enfrentando um soldado russo,
na realidade, esse vídeo foi postado pela primeira vez online em novembro de 2012.

Trata-se de uma gravação de seis minutos do encontro entre soldados israelenses e Ahed Tamimi, então com 12 anos, pode ser assistida abaixo.

Isso não está ocorrendo com uma única imagem ou um único vídeo.
Diversas imagens circulam sem relação com o atual conflito na Ucrânia, mostram agências de checagem.

As cenas são compartilhadas fora de contexto, mas na maioria das vezes elas mostram soldados israelenses atacando ou sendo confrontados por jovens palestinos, como se fossem soldados russos e civis ucranianos.

O irônico e trágico é que, num exemplo de hipocrisia cínica, Israel é quem mais critica a invasão russa na Ucrânia.

Siga-nos no Telegram

Caros Leitores, precisamos de um pouco mais de sua atenção

Nossos apoiadores estão sendo fundamentais para seguirmos nosso trabalho. Leitores, na medida de suas possibilidades, têm contribuído de forma decisiva para isso. Agradecemos aos que formam essa comunidade e convidamos todos que possam a fortalecer essa corrente progressista. Seu apoio é fundamental nesse momento crítico que o país atravessa para continuarmos nossa labuta diária para trazer informação de qualidade e independência.

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica

Agência: 0197
Operação: 1288
Poupança: 772850953-6

PIX: 45013993768

Agradecemos imensamente a sua contribuição

Carlos Henrique Machado

Compositor, bandolinista e pesquisador da música brasileira

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: