28 de maio de 2022
  • 15:14 O cerco da mídia contra Lula vai aumentar
  • 14:58 Papuda: mães, irmãs e avós de presos são “vendidas” para pagar dívidas
  • 12:53 Lula: “Bolsonaro não dormiu depois do resultado da pesquisa”
  • 10:37 Editorial da Globo é o velho antipovo disfarçado de antipetismo
  • 22:11 Bolsonaro diz que concedeu indulto a Silveira para “dar exemplo” ao STF

Lavrov ainda acusou o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskiy, de presidir “uma sociedade onde o nazismo está florescendo”.

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, disse nesta quinta-feira (3) que líderes de países do Ocidente estão “se preparando para uma guerra contra a Rússia”, mas que apesar das ameaças, Moscou vai continuar com sua operação militar na Ucrânia até “o fim”. As informações foram divulgadas na agência internacional Reuters no final da manhã de hoje.

Segundo a Reuters, no comunicado à imprensa, Lavrov não forneceu elementos que comprovem a declaração de que o Ocidente se prepara para a guerra contra Putin. O conflito na Ucrânia entrou em seu oitavo dia consecutivo, com Kiev resistindo à invasão russa com ajuda da OTAN.

Falando aos meios de comunicação russos, o ministro de Putin também afirmou que o governo não pensa em uma guerra nuclear, mas sente a pressão pairando sobre os países aliados à OTAN.

“O pensamento de energia nuclear está constantemente girando na cabeça dos políticos ocidentais, mas não na cabeça dos russos”, disse ele. “Asseguro-lhe que não permitiremos que nenhum tipo de provocação nos desequilibre”, reportou a agência.

Na mesma entrevista à TV estatal russa, Lavrov ainda acusou o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskiy, de presidir “uma sociedade onde o nazismo está florescendo”.

Ontem, o ministro disse que o presidente do Estados Unidos, Joe Biden, “tem experiência e sabe que não há alternativa às sanções [contra a Rússia], senão a guerra mundial”. A declaração foi feita à TV Qatar Al Jazeera e citada em matéria da agência EFE.

*Com GGN

Siga-nos no Telegram

Caros Leitores, precisamos de um pouco mais de sua atenção

Nossos apoiadores estão sendo fundamentais para seguirmos nosso trabalho. Leitores, na medida de suas possibilidades, têm contribuído de forma decisiva para isso. Agradecemos aos que formam essa comunidade e convidamos todos que possam a fortalecer essa corrente progressista. Seu apoio é fundamental nesse momento crítico que o país atravessa para continuarmos nossa labuta diária para trazer informação de qualidade e independência.

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica

Agência: 0197
Operação: 1288
Poupança: 772850953-6

PIX: 45013993768

Agradecemos imensamente a sua contribuição

Celeste Silveira

Produtora cultural

RELATED ARTICLES

2 COMMENTS

  1. José Posted on 3 de março de 2022 at 19:59

    Estou decepcionado com o Antropofagista. Sou leitor diário e contribuo com pequenos valores porque, até agora, acreditava e concordava com a opinião emitida por vocês através dos textos e vídeos publicados…Recebo as publicação diariamente no meu e-mail, no entanto há uma semana vocês só estão me enviando matérias a favor da Rússia/Putin e contra a Ucrânia. Quais informações sobre essa história de “Nazismo” na Ucrânia vocês dispõem? Vocês acham certo um País, – no caso a Rússia – atacar outro País independente e soberano ? Até onde eu sei, a Ucrânia não contra-atacou a Rússia…Só estão tentando se defender de um ataque covarde e desigual. Lamentável a postura do Antropofagista. O que vocês defendem? O Comunismo totalitário e ditador como o da Rússia de Putin ? É isso? Onde os amigos do “Rei” são bilionários…tudo podem, equanto o povo vive as minguas…

    Reply
    1. Celeste Silveira Posted on 6 de março de 2022 at 11:34

      Olá José, na verdade, o nosso posicionamento é claramente contra os EUA que criaram essa guerra. Somos totalmente contra essa guerra, contra a destruição de um país e, principalmente pela morte de muitos inocentes, além do povo ser obrigado a fugir e deixar uma vida inteira pra trás. Dói muito ver as, principalmente as crianças e idosos. Desculpa se no texto não nos fizemos entender. Mas somos radicalmente contra a guerra. Grande abraço.

      Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: