18 de setembro de 2020
  • 11:13 O Estado mínimo de Bolsonaro que destrói o país
  • 10:08 Ao punir Bretas, TRF-2 informa que democracia ainda respira
  • 09:42 Vídeo – Requião: Frustração levará à queda de Bolsonaro
  • 19:56 Fux faz críticas aos colegas sobre o tema “prisão em 2ª instância” e Marco Aurélio o enquadra
  • 19:06 Vídeo: Incêndios já tomam quase metade das terras indígenas no Pantanal

A imagem de Copacabana cheia é, na verdade, da Jornada Mundial da Juventude quando fieis acompanharam o Papa Francisco em 2013.

Circula nas redes sociais a foto de uma multidão que ocupa a praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, e que supostamente teria feito um ato em apoio à candidatura presidencial de Jair Bolsonaro (PSL) no último domingo (30). Por meio do projeto de verificação de notícias, usuários do Facebook solicitaram que essa imagem fosse analisada. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

Falso

“Copacabana 30/09 hoje tomada Bolsonaro já no 1º turno 17″Frase que acompanha imagem (aqui, aqui, aqui e aqui) que até as 12h do dia 01 de outubro de 2018 já tinha mais de 489 compartilhamentos no Facebook.

Falso

A imagem analisada pela Lupa não foi adulterada, mas é antiga: de 2013. O registro foi feito durante a Jornada Mundial da Juventude que reuniu quase um milhão de fiéis para acompanhar o Papa Francisco, na cerimônia de abertura do evento, na praia de Copacabana. É possível, inclusive, identificar o papamóvel em meio ao aglomerado.

As verdadeiras de hoje

De acordo com o G1, apoiadores de Bolsonaro realizaram atos em seu apoio em ao menos 27 cidades como parte do movimento #elesim. O Rio de Janeiro foi uma dessas cidades. Veja algumas fotos aéreas do encontro de Copacabana – e observe que o volume de pessoas é menor do que o da imagem checada pela reportagem:

 

 

 

 

*Do Terra

 

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: