21 de setembro de 2020
  • 17:24 Vídeo – Fora Bolsonaro! O grito da jogadora de vôlei Carol Solberg após conquista de medalha
  • 15:45 Por que o Roda Viva de Vera Magalhães entrevistará FHC e não Lula?
  • 13:58 Allan dos Santos comandava reuniões com deputados golpistas do PSL e pedia ‘intervenção militar’
  • 12:29 Crivella muda o tom sobre a pandemia e diz que, ‘momento é preocupante’
  • 11:23 A inacreditável incapacidade de interpretação do livro “Macunaíma, o herói sem nenhum caráter”

Revelação foi feita pela jornalista Thaís Oyama, autora do livro Tormenta, que diz ainda que Gustavo Bebianno sentia amor por Jair Bolsonaro.

O ator Carlos Vereza tem uma das cartas escritas pelo advogado Gustavo Bebianno, ex-secretário da Presidência que morreu neste sábado, 14, de infarte.

A revelação é da jornalista Thaís Oyama, colunista do UOL e autora do livro Tormenta, sobre os bastidores do primeiro ano do governo de Jair Bolsonaro.

“Com a morte de Gustavo Bebianno na madrugada de ontem, podem vir à tona dois documentos com potencial de incomodar Bolsonaro. Um é a carta que Bebianno escreveu ao presidente quando foi demitido do governo. Ele a entregou ao amigo e ator Carlos Vereza com a recomendação de que a encaminhasse ao destinatário ‘no momento que achasse melhor’. Outro é o dossiê com informações confidenciais que, diante das ameaças de morte que recebia, o advogado disse em entrevista à Jovem Pan ter preparado e enviado para locais seguros, inclusive no exterior”, escreve Oyama.

A jornalista disse também que o ex-secretário da Presidência mantinha uma profunda admiração por Jair Bolsonaro. “A quem perguntava ao advogado os motivos de sua admiração, ele respondia que o impressionava o ‘patriotismo’ do ex-deputado, a quem até o rompimento tratou como ‘capitão'”, escreve ela.

Deputado confirma carta no exterior

O deputado Julian Lemos (PSL-PB) confirmou ao jornalista Chico Pinto que o advogado Gustavo Bebianno deixou duas cartas para serem abertas em caso de assassinato.

“Existe uma carta no exterior e outra no Brasil. Ele falou há algum tempo isso pra mim e voltou a repetir recentemente”, conta o deputado. “Não sei te falar se essa carta vai vir a público, porque a família dele é bem pacata. O búfalo ali era ele”.

 

 

*Com informações do 247

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES

1 COMMENTS

  1. Magda ferreira santos Posted on 14 de março de 2020 at 20:01

    O VEREZA, COM V DE VENDIDO, NUNCA VAI DIVULGAR NADA, GOLPISTA QUE É!!

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: