26 de julho de 2021
  • 16:17 Ocupação de territórios pelo centrão pode expulsar militares
  • 13:52 Lewandowski encaminha à PGR denúncia da defesa de Lula sobre força-tarefa da Lava Jato ter negociado sistema Pegasus
  • 12:02 Vídeo – O guarda da esquina: em tempos de bolsonarismo, guardas municipais do Rio agridem covardemente um ambulante
  • 10:59 Lava Jato negociou programa espião Pegasus com empresa israelense
  • 08:14 TSE avança em ações que podem levar à cassação da chapa Bolsonaro-Mourão

Bolsonaro disse hoje que, “depois da facada, não vai ser uma gripezinha que vai me derrubar”. A resposta do presidente aconteceu após ele ser questionado por jornalistas se faria um novo exame para detectar coronavírus.

“Depois da facada, não vai ser gripezinha que vai me derrubar, não. Tá ok? Se o médico ou o Ministério da Saúde recomendar um novo exame, eu farei. Caso contrário me comportarei como qualquer um de vocês aqui presente”, declarou Bolsonaro, em referência aos sintomas do novo coronavírus, que provocou uma pandemia e milhares de mortos.

Bolsonaro já fez dois exames para detectar o novo coronavírus, e segundo ele, ambos foram negativos. Ao menos 20 pessoas próximas ao presidente, que estiveram com ele na comitiva em missão oficial nos Estados Unidos foram infectadas pelo vírus.

 

*Guilherme Mazieiro/Uol

Celeste Silveira

Produtora cultural, parecerista de projetos culturais em âmbito nacional

RELATED ARTICLES

1 COMMENTS

  1. Magda ferreira santos Posted on 16 de junho de 2021 at 11:13

    NÃO É NENHUMA GRIPEZINHA, CALHORDA, NEM UMA FAKEADA, MAS A IMBECILIDAE SUA, DE SUA FAMILIA , DE SEUS FILHOS MILICIANOS E ASSASSINOS!! TUDO VIRÁ À TONA, COMO MESMO DISSE: A VERDADE É SOBERANA E NOS LIBERTARÁ, PRINCIPALMENTE DA FOME, DA MISÉRIA E PRINCIPALMENTE DE SUAS SANDICES!!

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: