28 de janeiro de 2021
  • 21:57 Marinha pagou R$ 533 em lata de chantilly e gastou R$ 128 mil em paçoca
  • 18:55 Bolsonaro, sobre o leite condensado, repete a tática contra jornalistas que usou no caso do depósito de R$ 89 mil de Queiroz para Michelle
  • 17:15 Vídeo: Em claro desespero com o escândalo do leite condensado, Bolsonaro manda imprensa para a puta que pariu
  • 16:13 Em ÁUDIO, empresa nega venda de leite condensado na proporção indicada pelo governo Bolsonaro
  • 15:03 Desesperado, Bolsonaro apela para que caminhoneiros não façam greve na próxima semana

O senador Renan Calheiros (MDB-AL) afirmou numa conversa recente que o caminho mais curto para tirar Jair Bolsonaro do Palácio Alvorada é o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que tem poderes para cassar a chapa presidencial, e não o Congresso, onde tramitam os processos de impeachment. A informação foi publicada na coluna de Lauro Jardim.

Os pedidos de impeachment de Bolsonaro aumentaram de maneira significativo nas últimas duas semanas, após o ocupante do Planalto pedir que a população saia do isolamento social e retorne ao trabalho. Também havia convocado as pessoas a participarem dos atos do dia 15, enquanto autoridades de Saúde recomendam que a sociedade evite aglomerações para diminuir a propagação do coronavírus.

 

 

*Com informações do 247

Celeste Silveira

Produtora cultural, parecerista de projetos culturais em âmbito nacional

RELATED ARTICLES

3 COMMENTS

  1. Magda ferreira santos Posted on 2 de abril de 2020 at 18:03

    SE PUDESSEMOS CONFIAR NO TSE!!

    Reply
  2. Daniel Posted on 3 de abril de 2020 at 17:44

    Concordo plenamente. A gente precisa tirar esse nome imundo e sua foto das galerias dos presidentes. Até pq, ele fraudou a eleição com o uso indevido de fakenews. Aquela facada é um outro exemplo.

    Reply
  3. Aurelio Oliveira Posted on 3 de abril de 2020 at 23:24

    Poderia ser feito um impeachment duplo: Renan e Bozo. O país agradece.

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: