3 de agosto de 2021
  • 23:32 Em noite histórica, TSE finalmente reage contra ataques à democracia
  • 21:10 TSE abre investigação sobre ataques de Bolsonaro às urnas e pede ao STF que apure caso no inquérito das fake news
  • 18:54 Vídeo: Fux, como sempre, mostra que tem lado, o do governo Bolsonaro, jamais o de Lula
  • 17:51 Justiça dá 5 dias para Bolsonaro explicar medalha concedida a Michelle
  • 16:19 Bolsonaro, no chiqueirinho, estava irritado com o retorno da CPI porque ela está revelando a corrupção em seu governo

Patrocinou o banquete e ficou do lado de fora. Esta é a mais pura realidade que os comerciantes brasileiros vivem sob o governo de Bolsonaro.

Provavelmente, agora, os comerciantes entendam que não mandam absolutamente em nada e que são meros garçons dos gafanhotos do sistema financeiro.

Eles que, de forma maciça, apoiaram o golpe em Dilma e a eleição de Bolsonaro, sentem a derrocada bater em suas portas, muitas já fechadas.

A grande maioria dos comerciantes do varejo acreditou que o problema deles era o salário dos trabalhadores que, na verdade, são os seus consumidores. Agora, eles estão aí consumidos pelas cabeças neoliberais que comandam o Brasil e o levam ao caos.

É o preço que estão pagando pela mentalidade tacanha do neoliberalismo voraz representado por FHC, Collor, Temer e, agora, por Bolsonaro, com Paulo Guedes, que sempre tiveram o apoio do comércio em geral. Hoje, esses comerciantes veem secar o leite de suas vaquinhas.

Mas o preconceito e a total falta de preparo intelectual e, consequentemente, de discernimento político e, portanto, incapazes de pensar um metro à frente, tomam uma bofetada na cara. Quem sabe assim não acordam do sonho de que fazem parte da elite.

*Da redação

Siga-nos no Whatsapp: https://chat.whatsapp.com/H61txRpTVWc7W7yyCu0frt

Siga-nos no Telegram: https://t.me/joinchat/IMjlP7niNwYSId8X

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica: Agência 0197
Operação: 013
Poupança: 56322-0
Arlinda Celeste Alves da Silveira
CPF: 450.139.937-68

PIX: 45013993768
Agradecemos imensamente a sua contribuição

Celeste Silveira

Produtora cultural, parecerista de projetos culturais em âmbito nacional

RELATED ARTICLES

1 COMMENTS

  1. Evair Nunes Posted on 11 de fevereiro de 2021 at 01:10

    Não nos esqueçamos que comerciante e/ classe média são quase sinônimos, são poucos que enxergam, que estão num simples papel de prestador de serviços, um intermediário entre o produtor capitalista e/ou o grande atacadista e o consumidor final, a enorme, a grande maioria dos comerciantes de varejo recebeu o negócio dos pais e dentre esses, a maioria, quer distância de pobre, apavora-os a possibilidade de proletarizarem-se, não gostam de seus consumidores, na grande maioria pobres, tolera-os!

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: