11 de novembro de 2021
  • 20:37 Vídeo: Adélio vive em condições análogas à tortura, denuncia perito que o visitou no presídio federal de Campo Grande
  • 17:58 Economia brasileira vira terra de ninguém e governo Bolsonaro se dissolve instantaneamente
  • 16:59 Em cerimônia de filiação, homem joga moeda para Moro e o chama de traidor
  • 14:26 Governo fecha o cerco a quem pediu extradição de Allan dos Santos
  • 13:32 Pesquisa Quaest/Avaliação negativa de Bolsonaro bate recorde

Se vale o que está escrito, o resultado da CPI da covid deveria imediatamente ser o impedimento para que um presidente, culpado por um verdadeiro massacre que já chega a 608 mil vidas, seja candidato à reeleição.

Isso porque a inacreditável justiça eleitoral não viu crime de fake news na chapa Bolsonaro-Mourão em 2018.

Assim, os dois são ficha limpa, da mesma forma que Aécio, Temer e Moro, o juiz que foi considerado parcial pelo STF.

Ora, se a Corte Suprema do país disse que um juiz foi parcial no caso de Lula, já é um fato muito grave, porque não é uma parcialidade qualquer, mas de alguém que tem poder de fazer o que ele fez com Lula, mantê-lo na cadeia por 580 dias, um sujeito desse ser candidato à presidência, é um tapa na cara dos brasileiros.

Para piorar, esse mesmo Moro, que prende Lula para tirá-lo da eleição, passa a ser ministro da Justiça do presidente que provocou essa tragédia por covid, numa das barganhas mais corruptas da história do Brasil.

Então, vem a pergunta, o que não pode pra essa turma que entrega a alma, os cofres públicos e a riqueza do país para a burguesia, para os banqueiros, para os latifundiários, os grileiros, enfim, para o centrão? Como disse o padrinho de casamento de Aécio Neves, o banqueiro André Esteves, o centrão é o caminho da razão. Nem cá, nem lá, nem a extrema direita e nem a extrema esquerda, seja lá o que isso for.

O que sabemos é que hoje eles não só apoiam, mas são parte de um governo genocida.

Na verdade, Esteves comemorava a força do centrão que é a própria força das classes economicamente dominantes, por neutralizarem o voto popular através de um sistema político podre que permite que uma escumalha tome posse no Congresso a ponto do presidente da Câmara trocar figurinhas com banqueiros, como citou o próprio André Esteves.

E se as coisas não saem como a burguesia quer, ela usa machado de cabo curto para atacar a democracia e interromper o mandato de um presidente da República legitimamente eleito pelo povo, como confessou o mesmo banqueiro tanto no caso de Jango em 1964, quanto de Dilma em 2016.

Logicamente é essa gente que produz a miséria, a fome e toda a desgraça que os pobres passam nesse país. Chamar essa corriola de centrão, é mero eufemismo, eles são donos do Estado brasileiro. É no centrão que estão os políticos mais ricos do país, é disparado o maior PIB do Congresso.

E essa gente, que é a própria alma do neoliberalismo no Brasil, tem uma ganância sem limites e age em bando.

Por isso é importante parar de chamar essa turma barra pesada de centrão, pois de centro não tem nada. Eles são a própria barbárie da extrema direita, aquela que, quando se vê contrariada, patrocina golpes de Estado e transforma a população brasileira em um mero curral dos poderosos do agronegócio e congêneres.

Caros Leitores, precisamos de um pouco mais de sua atenção

Nossos apoiadores estão sendo fundamentais para seguirmos nosso trabalho. Leitores, na medida de suas possibilidades, têm contribuído de forma decisiva para isso. Agradecemos aos que formam essa comunidade e convidamos todos que possam a fortalecer essa corrente progressista. Seu apoio é fundamental nesse momento crítico que o país atravessa para continuarmos nossa labuta diária para trazer informação de qualidade e independência.

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica
Agência 0197
Operação 1288
Poupança: 772850953-6
Arlinda Celeste Alves da Silveira
CPF: 450. 139.937-68
PIX: 45013993768

Agradecemos imensamente a sua contribuição

Carlos Henrique Machado

Compositor, bandolinista e pesquisador da música brasileira

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: