21 de setembro de 2020
  • 17:24 Vídeo – Fora Bolsonaro! O grito da jogadora de vôlei Carol Solberg após conquista de medalha
  • 15:45 Por que o Roda Viva de Vera Magalhães entrevistará FHC e não Lula?
  • 13:58 Allan dos Santos comandava reuniões com deputados golpistas do PSL e pedia ‘intervenção militar’
  • 12:29 Crivella muda o tom sobre a pandemia e diz que, ‘momento é preocupante’
  • 11:23 A inacreditável incapacidade de interpretação do livro “Macunaíma, o herói sem nenhum caráter”

Edição global do jornal El País destacou nesta quarta-feira (26) a prisão em Sevilha do membro da comitiva de Bolsonaro com 39 quilos de cocaína; escândalo envolvendo avião reserva da Presidência fez Bolsonaro mudar plano de voo a Tóquio; escala foi mudada de Sevilha para Lisboa sem explicação oficial.

Um sargento da Força Aérea Brasileira (FAB) foi detido nesta terça-feira (25) sob a acusação de transportar 39 quilos de cocaína dentro do avião da equipe que dá suporte à comitiva do presidente Jair Bolsonaro.

O sargento da FAB integrava a comitiva de 21 militares que partiu de Brasília com destino a Tóquio, no Japão, e fez escala no aeroporto de Sevilha, no sul da Espanha.

A detenção do militar brasileiro ocorreu durante um controle aduaneiro de rotina. O avião da FAB é um modelo Embraer 190, do Grupo Especial de Transporte da FAB.

“a prisão ocorreu quando a aeronave parou no aeroporto da capital da Andaluzia com destino a Tóquio para servir de avião de reserva para o presidente brasileiro, que viaja em outro avião para participar do G-20 realizada na capital japonesa. O Ministério da Defesa do Brasil emitiu uma nota confirmando a prisão dos militares por tráfico de drogas. Bolsonaro também lançou um tweet confirmando o evento”.

A prisão causou uma mudança nos planos de viagem de Bolsonaro. O avião presidencial, que deveria fazer escala em Sevilha para seguir caminho a Tóquio, teve sua rota alterada sem explicação oficial e o pouco será em Lisboa.

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: