22 de setembro de 2020
  • 17:51 Bolsonaro precisa decidir se o Brasil é cristofóbico ou é cristão conservador, os dois não dá
  • 14:02 Fux mostra a que veio
  • 13:01 Opinião unânime no mundo: Bolsonaro envergonha o Brasil na ONU
  • 12:01 Bancos servem a oligarcas, traficantes e terroristas em explosão de lavagem de dinheiro
  • 11:07 Agora o clã Bolsonaro tem um judiciário para chamar de seu

Ao lado da primeira dama Michelle, que recebeu cheque de 25 mil de Queiroz, Bolsonaro, em pronunciamento à nação, disse que em seu governo não teve corrupção.

Nesta terça-feira (24), no mesmo pronunciamento presidencial, Michelle Bolsonaro, com uma blusa escrita “Jesus”, deu um feliz natal aos brasileiros em nome da família. Fiquei pensando na renca de laranjas e fantasmas dessa família 3 em 1.

Foi uma terça- feira de agenda cheia para um presidente que se acidentou um dia antes, com uma queda no banheiro, tendo perdido parcialmente a memória como contou no programa do Datena.

Muita gente brincou com sua revelação ou simplesmente não acreditou por conta da facada fake que ele armou nas eleições.

Mas em seu pronunciamento à nação, Bolsonaro se mostrou mais esquecido do que confessara a Datena afirmando que em seu governo não teve caso de corrupção. Isso na mesma semana em que estourou um escândalo com as denúncias do MP-RJ de corrupção envolvendo um cartel criado pelo Clã Bolsonaro, tendo Flávio Bolsonaro como protagonista.

Não é todo dia que se tem uma oportunidade de promoção política como a de um pronunciamento presidencial. Pode-se listar feitos e omitir defeitos, uma forma silenciosa de negação, mas Bolsonaro traçou uma lista de mentiras sobre o seu governo e a pior delas foi dizer que, em um ano de governo, não se tem acusação de corrupção.

Mas a realidade chegou rápido para transformar o pronunciamento do presidente em chacota nas redes sociais, porque 29 membros do seu clã, incluindo o enigmático Queiroz, mais conhecido como o miliciano dos milicianos, terão seus sigilos telefônicos quebrados, o que deve estar fazendo a terra tremer no Palácio do Planalto com medo de uma queda fatal não só de Bolsonaro, mas de todo o seu governo.

 

*Carlos Henrique Machado Freitas

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES

1 COMMENTS

  1. Afonso Schroeder Posted on 18 de maio de 2020 at 16:30

    Quadrilha brigando “dois elementos” que devem ir pra cadeia são descumpridores da CF/88, mentirosos enganaram os brasileiros (traidores) comprovado pela INTERCEPT tiveram que prender o ex-presidente (Lula) para ganhar as eleições em 2018 lugar do “Bozó e Moro” é cadeia.

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: