13 de abril de 2021
  • 12:07 A vergonhosa censura imposta a Marcelo Lins quando citou da matéria do Le Monde contra a Lava Jato
  • 11:03 Eduardo diz que o pai autorizou a divulgação da conversa, mas Kajuru foi antiético
  • 10:11 Cármen Lúcia pede que STF julgue queixa contra Bolsonaro por genocídio
  • 22:34 OMS começa a perder a paciência com Bolsonaro, diz jornal francês
  • 21:15 Telefonema provoca bate-boca e amplia desgaste de Bolsonaro em Poderes

Depois de ter sumido por mais de 15 dias, o bobo da corte do Rio das Pedras, deu o ar da graça e só fez isso para impedir que Dória tivesse a oportunidade de se promover sozinho com o anúncio da eficácia da vacina CoronaVac, feita em parceria do Butantan com o Sinovac Biotech, laboratório chinês.

Inoportuno e indelicado, Pazuello, convocado para entreter a plateia, o empregado do rei, anunciou a compra de milhões e mais milhões de vacinas, agulhas e seringas, no mais cínico dos discursos de que “está tudo dentro dos planos”.

Toda a lambança criada por ele e Bolsonaro sobre a vacinação era, na verdade, uma ‘estratégia técnica’, mas caiu no mundo na hora de enfrentar as perguntas da imprensa.

Segundo o Exmo. “Ministro da Saúde”, “Temos, hoje, 354 milhões de doses de vacinas asseguradas para 2021, sendo 254 milhões de doses pela Fiocruz em parceria com a Astrazeneca, além de 100 milhões de doses pelo Butantan em parceria com a Sinovac”.

*Da redação

Siga-nos no Whatsapp: https://chat.whatsapp.com/H61txRpTVWc7W7yyCu0frt

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica: Agência 0197
Operação: 013
Poupança: 56322-0
Arlinda Celeste Alves da Silveira
CPF: 450.139.937-68

PIX: 45013993768
Agradecemos imensamente a sua contribuição

Celeste Silveira

Produtora cultural, parecerista de projetos culturais em âmbito nacional

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: