24 de maio de 2022
  • 20:34 Desmoronou: STJ reconhece incompetência de Moro e anula sentença do ex-juiz contra executivos do Grupo Schahin
  • 17:23 Vídeo: Na era Bolsonaro, o PGR Aras abandona o protocolo e parte para pancadaria com colega
  • 15:11 CCJ vota cobrança de mensalidade em universidade pública, sob protestos da oposição e entidades
  • 12:10 Moro, um tolo, acreditou que um troféu da Globo lhe daria salvo conduto para destruir o Brasil
  • 11:01 Com o Pix de qualquer valor, você pode contribuir com o Antropofagista

A guerra entre Guga Chacra e Sardenberg, na GloboNews, foi para provar que um podia ser mais idiota que o outro na manipulação dos fatos sobre a guerra da Rússia x Ucrânia.

O ponto de encontro do duelo entre esses dois falsificadores servis aos interesses do imperialismo americano, foi uma espécie de halterofilismo linguístico.

Um querendo carregar mais peso nas palavras que usavam contra Putin, tipo Guga chamando Putin de assassino frio, autocrata dos infernos e toda uma balela de adjetivos hiperbólicos.

Mas Sardenberg achou que, mesmo assim, Guga foi econômico e superficial na hora de moldar o monstro que eles pintavam para dar forma que interessava a Globo e que interessa aos EUA.

Nessa hora, o apatetado Sardenberg, o homem de economia da GloboNews que erra até quando prevê o passado, deu seu faniquito e Guga respondeu o desaforo com um chilique maior.

No final não sobrou nada que prestasse, como é praxe na carreira jornalística dessas duas fraudes baratas.

O que fica claro nessa guerrinha de vaidades entre os dois globais, é que o clima azedou, porque, no final das contas, os dois passaram a acreditar na mentira que contaram que o tal Zelensky é um herói que levantou seu povo contra o exército russo numa espécie de Davi contra Golias e que sairia vitorioso, mas que, na verdade, não passa de uma alegoria carnavalesca.

E o que se vê não é nada disso, tendo que admitir que passaram esse tempo todo produzindo um buraco n’água que os dois propagandistas tiveram que enfiar a viola no saco, muito a contragosto, e admitir que estavam falando da Rússia, um dos mais maiores e mais potentes exércitos do planeta.

Daí o estado de alteração emocional de quem foi derrotado pelos fatos, subiu à cabeça.

Siga-nos no Telegram

Caros Leitores, precisamos de um pouco mais de sua atenção

Nossos apoiadores estão sendo fundamentais para seguirmos nosso trabalho. Leitores, na medida de suas possibilidades, têm contribuído de forma decisiva para isso. Agradecemos aos que formam essa comunidade e convidamos todos que possam a fortalecer essa corrente progressista. Seu apoio é fundamental nesse momento crítico que o país atravessa para continuarmos nossa labuta diária para trazer informação de qualidade e independência.

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica

Agência: 0197
Operação: 1288
Poupança: 772850953-6

PIX: 45013993768

Agradecemos imensamente a sua contribuição

Carlos Henrique Machado

Compositor, bandolinista e pesquisador da música brasileira

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: