9 de agosto de 2022
  • 22:48 Lula entusiasma Fiesp com propostas para reindustrialização
  • 18:57 Apoie o Antropofagista. Com um Pix de qualquer valor, você ajuda muito
  • 18:05 Janja responde Michelle Bolsonaro após primeira-dama atacar Lula e religiões de matriz africana
  • 17:05 Vídeo: Twitter corta conta de Michelle Bolsonaro por racismo e intolerância com religiões de matriz africana
  • 15:41 Michelle Bolsonaro, a pudica do pau oco

Por que Bolsonaro não quis se vender como estadista e adicionar em sua campanha o encontro com o presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Souza?

Muitos dizem que várias consultorias no mundo afirmam que Bolsonaro é o homem mais malquisto da terra, chegando a afirmar que, desde Bin Laden, um líder não é tão odiado quanto Bolsonaro.

Ou seja, essa personificação do mal não está ao sabor apenas da oposição no Brasil. A V. Exa, presidente do Brasil Jair Bolsonaro é a expressão do que existe de pior na natureza humana. Não há quem supere essa ameba que, na própria embalagem, já vinha descrita antes de assumir o comando do país, mas como seu nome era conveniente para a elite, o sol brilhou pra ele a partir de uma fraude eleitoral em jogo casado com Sergio Moro, que é de conhecimento de qualquer ser vivo no planeta.

Sua negativa em se encontrar com o presidente de Portugal tem um conteúdo muito mais amplo e trágico para o país do que sua raiva do presidente português se encontrar com Lula.

Esse foi mais um daqueles escapismos de Bolsonaro que culpa a todos pelo fracasso absoluto em todas as áreas de seu governo.

Bolsonaro é o maior jumento que já existiu na história política brasileira. O sujeito é o que se chama de conteúdo zero. Não suporta arte, persegue a ciência, odeia as letras e vive dando asas à violência, à morte. Tudo isso de forma ativa e concentrada.

Que assunto Bolsonaro trataria com o presidente de Portugal que lhe daria rendimento intelectual de igual monta a do presidente português? Nem se o presidente Marcelo Rebelo ajustasse a dosagem do assunto limitando-se à inteligência nenhuma de Bolsonaro, porque o sujeito é uma bicheira.

O que é integral e tradicional em Bolsonaro é a mais pura ignorância, é a receita da estupidez em estado puro. Por isso, passou 28 anos no Congresso vendendo violência e morte sem construir um único projeto que removesse a imagem de deputado mais nulo de nossa história.

Bolsonaro não tem condições de falar de governo, porque, além de burro, é mentiroso e não trabalha, a não ser para construir uma embalagem de um quadrúpede ainda mais xucro para agradar o bando de rinocerontes que o tem como mito.

Com um português sofrível, em apenas uma frase, despejaria um número sem fim de insanidades e, lógico, seus conselheiros mais próximos, conhecendo bem a limitação do idiota, disseram-lhe, não vá a esse encontro, pois sairá menor do que entrará.

Isso vai piorar ainda mais a sua imagem que está a cada dia mais apodrecida diante do povo brasileiro.

Agradecemos aos que formam essa comunidade e convidamos todos que possam a fortalecer essa corrente progressista. Seu apoio é fundamental nesse momento crítico que o país atravessa para continuarmos nossa labuta diária para trazer informação de qualidade e independência.

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica Agência: 0197

Operação: 1288

Poupança: 772850953-6

PIX: 45013993768 – CPF

Agradecemos imensamente a sua contribuição

Carlos Henrique Machado

Compositor, bandolinista e pesquisador da música brasileira

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: