27 de maio de 2022
  • 20:43 Morte em ‘câmara de gás’ de viatura foi registrada como ocorrência ‘sem indício de crime’
  • 20:03 Com um PIX de qualquer valor, você pode contribuir com o Antropofagista
  • 18:53 O preço do golpe: O Brasil tem hoje um PIB per capita 10% menor do que o governo Dilma
  • 17:56 Marcos Coimbra diz que “para 80%, eleição já está decidida e e Lula será o novo presidente
  • 16:45 Rejeição a Lula recua ao patamar de 2002, aponta Datafolha

A onda de incêndios sem precedentes é o segundo passo da conversão da floresta em pastagem. O primeiro é a derrubada das árvores.

“Indiferente diante desses alertas, o novo presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, pretende sair dos acordos de Paris e expulsar populações indígenas de suas terras na Amazônia para desenvolver atividades econômicas”, apontam os advogados. “Se forem executados, alguns de seus projetos podem ser considerados como crimes contra a humanidade, principalmente em razão das transferências forçadas de população indígenas”, continua o texto.

Além disso, os advogados alertam para a responsabilidade das multinacionais que eventualmente contribuam com essas ações na Amazônia. “A participação de empresas, direta ou indiretamente, no financiamento, concepção técnica ou implementação desses objetivos presidenciais poderia ser vista como uma cumplicidade nas violações dos direitos humanos”, ressaltam.

Os advogados avisam que não se trata de uma “ficção jurídica”, e lembram que a CPI já foi confrontada a uma situação parecida em 2014. Na época, cambojanos fizeram uma queixa de crime contra a humanidade após a expulsão de quase um milhão de pessoas, em mais de uma década, como consequência de contratos assinados entre o governo do Camboja e empresas estrangeiras. A decisão da CPI ainda é aguardada, mas pode confirmar que os processos de crimes ambientais contra a humanidade se tornaram um assunto prioritário, explicam.

 

*Com informações do DCM

Celeste Silveira

Produtora cultural

RELATED ARTICLES

2 COMMENTS

  1. Ivson Melo Posted on 22 de agosto de 2019 at 14:45

    GOVERNO DESGRAÇADO, MISERÁVEL, CRIMINOSO, CANALHA = GOVERNO DO PSICOPATA BOLSONARO E SUA GANG !

    Reply
  2. Ivson Melo Posted on 22 de agosto de 2019 at 14:48

    GOVERNO DE BOLSONARO E SUA GANG = GOVERNO CRIMINOSO, DESGRAÇADO, CRIMINOSO, MISERÁVEL, NAZIFASCISTA !

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: