2 de dezembro de 2020
  • 21:14 Brasil tem explosão de casos de contaminação por Covid-19; mais de 50 mil em 24 horas
  • 18:00 Governo Bolsonaro gastou 85% do dinheiro direcionado para o combate à pandemia
  • 17:05 Carol Proner: Sergio Moro é sinônimo de traição nacional
  • 15:24 Está na hora de perguntar quem ganhou e quem perdeu com a organização criminosa Lava Jato
  • 11:55 Vídeo: Moro, depois de destruir o Brasil, vai gozar a vida em Washington

Ministro fugiu das perguntas sobre a troca de comando na Polícia Federal, incentivada pelo presidente, e deixou a coletiva depois de três minutos.

Sérgio Moro seguiu o exemplo de Jair Bolsonaro (PSL), campeão em abandonar coletivas de imprensa. O ministro da Justiça se irritou com as perguntas sobre as declarações do presidente, nesta terça (3), sobre a troca de comando na Polícia Federal, e foi embora depois de três minutos de entrevista. Fuga do ministro aconteceu durante evento da pasta, nesta quarta-feira (4).

Em café da manhã com jornalistas da Folha de S.Paulo, o presidente havia mencionado que o comando da PF precisava dar uma “arejada” e chamou de “babaquice” a reação de integrantes da corporação às declarações dele sobre trocas em superintendências e na diretoria-geral.

O próprio ministro Moro havia convocado a imprensa para uma entrevista sobre a terceira fase de uma operação de combate à pedofilia, deflagrada nesta manhã (4). A presença do ex-juiz estava confirmada, ao lado de secretários e diretores da pasta.

O ministro fez o discurso de abertura, falou por cerca de dois minutos e meio e disse que teria de ir embora para um outro compromisso. Quando questionado sobre a troca de comando da PF, Moro não respondeu, acenando com a mão, dando adeus.

 

*Com informações da Forum

 

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES

1 COMMENTS

  1. afonso Schroeder Posted on 4 de setembro de 2019 at 20:29

    Brasileiros aguardam a justiça ser praticada pelo (STF). E os descumpridores da Constituição/88, sarcásticos,mentirosos, corruptos sempre tentando enganar o povo é lamentável, “INTERCEPT” de Glenn Greenwald comprovou que temos alguns justiceiros na justiça que devem ir para cadeia e o ex-presidente (LULA) em liberdade já e anulação dos processos indevidos.

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: