4 de outubro de 2021
  • 18:42 “Dólar alto é bom”: falas de Guedes coincidem com variação cambial que lhe garantiu lucro
  • 17:39 Ações do Whatsapp e Facebook caem 5% com queda que já dura 5 horas.
  • 16:18 Como o maior escritório de advocacia dos EUA cria offshores para Apple, fabricante de armas e políticos
  • 14:09 Mídia não dá um pio sobre as offshores de Guedes e Roberto Campos; fosse Lula, as manchetes seriam garrafais
  • 12:20 Offshores de sócios da Prevent, MRV, Riachuelo e mais 17 maiores empresas do Brasil são reveladas pela Pandora Papers

Como já dissemos aqui, Bolsonaro que nunca teve qualquer preocupação em governar o país, também não se preocupa nem um pouco com a imagem do Brasil lá fora.

Bolsonaro acorda e dorme trabalhando apenas e tão somente em benefício do seu clã, seja para ampliar os ganhos, comprar mansões e fazer  do governo balcão de negócios, como se vê no ministério da Saúde com a compra de vacinas, não importando se isso prejudicará a população.

Como disse Olavo de Carvalho, malandramente, o gado não tem que apoiar ações do governo, até porque não tem nenhuma, tem que apoiar Bolsonaro, santificá-lo e ser fiel a ele em qualquer circunstância. Isso nada tem a ver com sua total inépcia no governo que levou o Brasil a viver uma crise trágica na economia, na saúde e, consequentemente, social.

Bolsonaro só pensa em se reeleger para ganhar tempo e usar seu poder para manipular as instituições e blindar os criminosos da família, mais nada além dos próprios crimes que enriquecem o clã na cara dos brasileiros.

Por isso ele não faz a menor cerimônia em ser cínico ao dizer que o governo não rouba e nem deixa roubar. Ele sabe que, quanto mais sujo ele for, mais o seu gado vai lhe venerar.

Bolsonaro ganha muitos pontos com seu eleitorado quando mostra que está sendo desonesto. É disso que o gado gosta.

Todas as mentiras contadas por Bolsonaro são perfeitamente aceitáveis pelo gado não porque ele convence, mas porque sabe que ele mente, que ele não tem o menor escrúpulo, e é exatamente isso que encanta o gado verde e amarelo, com a justificativa também mentirosa de combate ao comunismo.

Na verdade, é só uma questão de luta de classe, porque o gado tem certeza de que Bolsonaro odeia pobres, pretos, mulheres, gays, índios e, quanto mais jogar sujo contra esses grupos sociais, mais ponto ele ganha com o gado.

Então, quando Bolsonaro subir hoje na tribuna da ONU e contar suas mentiras, parte do gado, que ficou chateada com ele no episódio do arrego para Alexandre de Moraes, deve recobrar seus instintos animais e voltar a apoiá-lo cegamente.

O que os que o apoiam querem é isso mesmo, que Bolsonaro destrua a imagem do Brasil, que toque fogo na Amazônia, que espalhe ainda mais mortes por covid, que desapareça com os índios, que mate negros, que aumente a miséria e a fome e, principalmente que mate crianças por desnutrição.

Bolsonaro se esforça muito para cumprir essa agenda de horrores. E hoje, quando mentir descaradamente, arrancará gargalhadas do gado ao ver seu mito ser o que sempre foi.

O episódio do ministro Queiroga, em Nova York, fazendo gesto obsceno é também parte desse teatro, pois pretende se candidatar ao Senado em 2022 e quer contar com o voto do gado, daí o gesto obsceno que parece ser surtido o efeito desejado.

Tudo isso que vemos parece um inferno ou um hospício? Sim, não há nenhuma dúvida de que é assim que Bolsonaro quer reconstruir seu eleitorado e manter pelo menos os 30% que lhe garantiriam a ida para o segundo turno numa disputa com Lula.

É nas mãos desse troço, com a blindagem de Arthur Lira, que cobra caro o apoio, que estão os rumos do país.

Para se ter uma ideia desse tipo de estratégia, Dória está usando ataques pesados a Lula e ao PT para atrair bolsonaristas, acreditando que pode tirar eleitores de Bolsonaro, por menos crível que isso pareça, Dória já começou a utilizar esse expediente que, na verdade, é o mesmo de Ciro para atrair o gado.

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica
Agência 0197
Operação 1288
Poupança: 772850953-6
Arlinda Celeste Alves da Silveira
CPF: 450. 139.937-68
PIX: 45013993768

Agradecemos imensamente a sua contribuição

Carlos Henrique Machado

Compositor, bandolinista e pesquisador da música brasileira

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: