21 de junho de 2021
  • 10:56 Juristas e senadores avaliam abrir oficialmente investigação contra Bolsonaro pelo genocídio
  • 09:42 Investimento no Brasil retrocede 20 anos, e país despenca em ranking global
  • 09:11 A raiz do genocídio no Brasil está na economia, no neoliberalismo imposto por Moro e Bolsonaro
  • 22:16 Renan diz que CPI investigará ‘coisas escandalosas’ sobre compra da Covaxin
  • 19:44 Moro é desconvidado de evento sobre ética após protestos de pesquisadores

O Ministro do STF, Gilmar Mendes, é defensor do projeto aprovado pelo Senado que prevê punição para abuso de autoridade. Ele, que também votou pela liberdade de Lula, disse,

“O cemitério está cheio desses falsos heróis. Eles são apresentados por vocês (mídia) como tal e acreditam nisso. Depois, coitados, passam a ter um grande problema de depressão, obviamente antes de desaparecerem por completo”.

Na avaliação de Gilmar Mendes, a proposta aprovada no Legislativo é apenas o ponto de partida para uma reforma na legislação e a correção de rumos contra exageros cometidos por juízes, promotores e policiais. A entrevista foi concedida ao jornal O Estado de S.Paulo.

Segundo o Ministro, o projeto pode evitar o surgimento de “falsos heróis” que cometem excessos “em nome supostamente” de um combate à criminalidade.

“O cemitério está cheio desses falsos heróis. Eles são apresentados por vocês (mídia) como tal e acreditam nisso. Depois, coitados, passam a ter um grande problema de depressão, obviamente antes de desaparecerem por completo”, conclui.

 

*Com informações do 247

Celeste Silveira

Produtora cultural, parecerista de projetos culturais em âmbito nacional

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: