18 de setembro de 2020
  • 14:01 Em investigação, pela primeira vez, PF aponta financiamento do governo a sites antidemocráticos
  • 12:04 O fim do bolsonarismo
  • 11:13 O Estado mínimo de Bolsonaro que destrói o país
  • 10:08 Ao punir Bretas, TRF-2 informa que democracia ainda respira
  • 09:42 Vídeo – Requião: Frustração levará à queda de Bolsonaro

Moro, o barão do judiciário brasileiro, que anda fugindo à francesa do assunto Lava Jato, porque sabe que fez da justiça um cassino com cartas marcadas, atacou pesadamente Lula sem provas, além da condenação, repetindo de forma vigarista, que Lula comandou o maior esquema de corrupção das galáxias.

Agora, esse juiz corrupto e ladrão, como bem disse o deputado Glauber Braga sobre Moro, é Ministro da Justiça de um governo que não tem aonde ser mais picareta, corrupto, com esquemas certamente de décadas de corrupção de uma família inteira envolvida com fantasmas, laranjas e milícias. Tudo isso de forma sistêmica, ganha o nome de “rachadinha”, uma coisinha dengosa, como disse o próprio Mourão sobre o esquema de Queiroz.

A mídia gostou do termo “rachadinha”, parece até jogo de loteria, mas não é, trata-se de um esquema pesado, com ligação com milícia e outras coisas mal explicadas.

Está na hora de parar de chamar essa corrupção sistêmica de “rachadinha” e dar o nome sem perfumes e miçangas ao que de fato é, corrupção e da grossa, que envolve muita gente que trafega nesse esquema, como revelou o próprio Queiroz em gravação.

A coisa é tão séria que Bolsonaro não quer falar sobre o assunto e ainda diz que Queiroz e ele não têm nada a ver, cada um segue a sua vida.

E o que faz o paladino do pacote anticrime e da Lava Jato? Coloca o rabo entre as pernas como um cachorro magro que vive hoje de restos de um governo que não tem aonde ser mais corrupto.

 

*Carlos Henrique Machado Freitas

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES

1 COMMENTS

  1. José Cesar Pereira Posted on 24 de outubro de 2019 at 21:54

    A corrupção dos familiares de Bolsonaro e de seus amigos milicianos assassinos é admitida, escondida e negada pelo “bando de loucos” de uma mega Organização Criminosa composta de fascistas infiltrados nos mais diversos órgãos da república. Estão submissos por conveniência e ideologia ao psicopata alienado em tudo, Bolsonaro e por uma assombração, o ex-juiz e ministro Moro #LulaLivre #NovasEleiçõesJá

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: