25 de janeiro de 2021
  • 12:48 Golpe do Golpe: Presidente da Eletrobras pagou R$ 2 milhões para que falassem mal da própria empresa
  • 10:38 Em uma semana, Dilma tratora os hipócritas Dória e Miriam Leitão e, de lambuja, detona a Globo
  • 09:51 Na tentativa de ficar de pé, Bolsonaro apela para a Globo
  • 09:11 A arapuca em que as Forças Armadas se meteram não é pequena não
  • 21:05 Reconhecimento de recusa de oferta da Pfizer amplia críticas à atuação de Bolsonaro na pandemia

Mesmo com aviso de um surto de coronavírus no Brasil esta semana, Bolsonaro e filhos mantêm convocação de manifestações

Pense num animal absolutamente irracional. Esse é Bolsonaro, um presidente sem a menor condição de conduzir o país.

Um sujeito demente com ideia fixa de acirrar disputas políticas criando fake news para desviar o foco de sua família de milicianos e de seu governo economicamente fracassado, mantém-se alucinado com seu antipetismo doentio e dobra a aposta em manifestações de rua no momento em que a OMS anuncia uma pandemia do Covid-19 e todos os países adotam medidas radicais para evitar o contágio e transmissão do vírus.

É esse monstro, com íntima relação com o submundo do crime, que a escória financeira do país colocou no poder com o auxílio luxuoso da grande mídia.

Enquanto fica cada vez mais expressa a necessidade de impedir que as pessoas circulem em lugares de grandes aglomerações, o grande objetivo a ser alcançado por Bolsonaro é aglomerar o máximo de pessoas possível no dia 15, determinando que a Secom (Secretaria de Comunicação), de forma criminosa, convoque as manifestações em sua defesa. Ou seja, Bolsonaro está sabotando o Brasil para se manter no poder.

Para isso, desmonta os alertas do grito de guerra contra o coronavírus para seguir seu fundamentalismo contrário à orientação da OMS contra a pandemia.

A pergunta é, quem vai frear esse louco?

Nenhuma precaução para frear esse insano foi tomada. Na verdade, isso está sendo solenemente desprezado pela grande mídia, com o risco de Bolsonaro arrastar o país para uma aceleração em espiral de um surto a partir do próximo domingo.

 

*Carlos Henrique Machado Freitas

Celeste Silveira

Produtora cultural, parecerista de projetos culturais em âmbito nacional

RELATED ARTICLES

1 COMMENTS

  1. Sergio do Prado Posted on 12 de março de 2020 at 11:40

    Calma pessoal, dia 15/3 = 5 ou seja RS 5,00 equivale a um GADO ou PATO, é o GADO’s DAY para bolsonaristas ou PATO’s DAY para empresários. WALKING DEAD.

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: