25 de outubro de 2020
  • 18:37 A selvageria de Bolsonaro espelha a alma da elite nacional
  • 16:51 Janio de Freitas: É humilhante que o país continue suportando a vergonheira nos seus Poderes
  • 15:08 Vídeo – Lula escracha a Globo: “Gastaram 5 anos falando mal, e apenas 36 segundos para assumirem que era tudo armação”
  • 12:04 Secom veiculou até onze vezes mais anúncios em canais investigados por fake news
  • 10:42 Impasse sobre CoronaVac pode atrasar vacinação no Brasil

Quem não se lembra da juíza Gabriela Hardt dizer a Lula: Se começarmos nesse tom, teremos problemas.

Na verdade essa frase virou mantra na linha do tempo da direita brasileira, fazendo lembrar as ordens escravistas do século XIX.

Hoje, depois de ser humilhada por produzir plágio em sua sentença, a juíza, escolhida a dedo por Moro, foi condenada a uma humilhação pública por um descarado copia e cola:

“Reproduzir, como seus, argumentos de terceiro, copiando peça processual sem indicação da fonte, não é admissível.”

Com esse entendimento, a 8ª Turma do Tribunal Federal da 4ª Região acatou apelação e anulou a sentença da juíza Gabriela Hardt, substituta de Sergio Moro na 13ª Vara Federal em Curitiba.

Isso, praticamente, abre caminho para a anulação do processo de Lula no caso do sítio de Atibaia, como mostra Zanin, advogado de Lula:

Não se trata aqui de contradições, mas do que está explicitado pelo TRF4 como plágio. Não há pensamento, filosofia, conceito da juíza que se achava a toda poderosa, mas uma falsa celebridade que, vergonhosamente, usou de um instrumento absolutamente ilegal como método de suas “escritas”, copiando e colando o trabalho de outro juiz, sem qualquer respeito à magistratura, ao direito, à constituição e, sobretudo à sociedade brasileira, sem falar no juízo condenatório que ela já havia feito sobre Lula antes mesmo de julgá-lo e, para tanto, bastava um mecanismo de quem utiliza o “copia e cola” como expediente  de contravenção intelectual.

Com isso, a juíza Gabriela Hardt está sendo zombada até mesmo pelo MBL, que tinha a substituta de Moro na Lava Jato como a nova rainha do Brasil, por seu interrogatório inquisidor a Lula, num populismo judicial jamais visto na história do Brasil por quem exerce a magistratura.

Estava muito fácil, mas é nessa hora que a vaidade cochila e escorrega numa casca de banana, matando sua própria carreira através da deterioração humilhante de sua imagem pública.

Na verdade, a resposta que o TRF4 deu à peça da juíza Hardt equivale a uma condenação à morte de sua carreira como magistrada.

 

*Carlos Henrique Machado Freitas

 

Celeste Silveira

RELATED ARTICLES

2 COMMENTS

  1. José Cesar Pereira Posted on 14 de novembro de 2019 at 17:31

    A besta fascista Gabriela CTRC&CTRLV que desmoraliza MP, assim como fazem Moro e Dallagnol e Aras foi humilhada por seus crimes contra Lula. Lula está livre, aguardando a declaração total de sua inocência. Todos os processos da Organização Criminosa e Terrorista da Lava Jato Parcial” contra Lula, conduzidos por Moro e Dallagnol e seus cúmplices foram fraudados. Torturas via prisões ilegais, ameaças e corrupção envolvendo os delatores a família e advogados canalhas foram usadas. As vítimas presas ilegalmente só eram ouvidas após se comprometerem a incriminarem Lula, mesmo sem apresentarem nenhuma prova. Porém suas mentiras eram consideradas nos processos. Estas aberrações estão sendo comprovadas e denunciadas pela Vaza Jato. O STF ao constatar que estas aberrações já são de domínio público, nacional e internacional e estão destruindo a credibilidade do Judiciário, dos órgãos de disciplinamento judicial e pondo em risco todas as instituições, a economia muda de postura. A maioria de seus membros parece que chegou a conclusão que a solução é cumprir o juramento que fizeram e honrem, respeitem a aplique a Constituição. Sem justiça não haverá paz no Brasil. O STF não pode admitir que cláusula pétreas sejam violadas por aqueles que não possuem autoridade constitucional para isso. A liberdade de Lula prova que estamos no caminha correto. Lula está livre e aguardando a declaração de sua inocência e a restauração de seus direitos políticos. Que os reais criminosos paguem por seus crimes. #BrasilFeliz #MoroNaCadeia #DallagnolNaCadeia

    Reply
  2. Edna Souza Leite Posted on 18 de novembro de 2019 at 14:38

    Eu avisei!!!!

    Reply
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: