26 de junho de 2022
  • 23:35 Bolsonaristas ignoram tragédia humanitária causada por Bolsonaro na pandemia de Covid
  • 19:33 Janio de Freitas: O Brasil real escancara-se com Milton Ribeiro e pastores e a delinquência se desnuda
  • 18:11 Pressionado pelos vazamentos, Bolsonaro ameaça golpe e passa recibo de que está até o talo no caso do MEC
  • 16:01 Marcelo Adnet bomba nas redes imitando conversa de Bolsonaro com Milton Ribeiro
  • 15:32 Bolsonaro insinua encontro com Áñez; ela nega

Independente da metodologia de cada instituto de pesquisa e, consequentemente, a diferença dos números, a tendência vem sendo a mesma, Lula vem subindo gradativamente e Bolsonaro vem em queda.

A novidade dessa pesquisa é o que já se sente nas ruas.

Liderança de Lula tem se alargado nos últimos meses, segundo instituto. Moro e Ciro vêm na sequência com pequeno recuo dentro da margem de erro.

A nova sondagem divulgada nesta quarta-feira (2) pelo Instituto Paraná Pesquisas sobre a corrida presidencial mostrou que a vantagem de Lula sobre Bolsonaro não para de aumentar. O petista segue na liderança e cresceu 5,2% em relação ao adversário de extrema direita desde o levantamento realizado em novembro 2021.

No gráfico, o ex-presidente Lula (PT) aparece com 40,1% das intenções de voto, enquanto Bolsonaro (PL) vem em 2° lugar com 29,1%, uma ligeira queda de 0,1% em relação à última pesquisa. A 3ª posição é ocupada pelo ex-juiz da Lava Jato Sergio Moro (Podemos), com 10,1%, seguido por Ciro Gomes (PDT), com 5,6%. A lista apresenta ainda, na sequência, os nomes do governador paulista João Doria (PSDB), com 2,6%, do deputado federal André Janones (Avante), com 1,1%, e dos senadores Simone Tebet (MDB) e Rodrigo Pacheco (PSD), que ficaram com menos de 1% das intenções de voto.

Os que dizem não saber em quem votar somaram 3% dos entrevistados, ao passo que os brancos e nulos representaram um universo de 7,3% dos participantes da pesquisa.

Entre os candidatos com maior rejeição aparece disparado em primeiro lugar João Doria, atual governador de São Paulo. Para 64,3% dos brasileiros entrevistados pelo Paraná Pesquisas, em circunstância alguma o empresário tucano seria uma opção na eleição deste ano.

O segundo mais rejeitado é Bolsonaro, com uma expressiva taxa de 56,3%, seguido de perto pelo ex-ministro Ciro Gomes (54,3%). Na sequência, quase empatados, surgem Lula (45,8%) e Sergio Moro (44%).

*Com informações da Forum

Siga-nos no Telegram

Caros Leitores, precisamos de um pouco mais de sua atenção

Nossos apoiadores estão sendo fundamentais para seguirmos nosso trabalho. Leitores, na medida de suas possibilidades, têm contribuído de forma decisiva para isso. Agradecemos aos que formam essa comunidade e convidamos todos que possam a fortalecer essa corrente progressista. Seu apoio é fundamental nesse momento crítico que o país atravessa para continuarmos nossa labuta diária para trazer informação de qualidade e independência.

Apoie o Antropofagista com qualquer valor acima de R$ 1,00

Caixa Econômica

Agência: 0197
Operação: 1288
Poupança: 772850953-6

PIX: 45013993768

Agradecemos imensamente a sua contribuição

Celeste Silveira

Produtora cultural

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

Comente

%d blogueiros gostam disto: